Papo Reto Cariri - Opinião, Notícias e tudo que acontece sem arrodeios
Gestão Municipal discute com parceiros a implementação do Plano Municipal de Políticas para Mulheres
Gestão Cratense discute com parceiros a implementação do Plano Municipal de Políticas para Mulheres
date_range27/05/2019 às 09:44

Por Redação Papo Reto Cariri

A Assessoria de Políticas para Mulheres, ligada ao gabinete do prefeito Zé Ailton Brasil, realizou uma reunião com os gestores municipais, o Conselho dos Direitos da Mulher e o Observatório da Violência e dos Direitos Humanos, da Universidade Regional do Cariri (URCA), para discutirem a implementação do Plano Municipal de Políticas para Mulheres.

A reunião contou com a presença do prefeito Zé Ailton Brasil; do procurador do município, Ernani Brígido; dos secretários de Esporte e Juventude, Lamar Lima e Henrily Rener; de Meio Ambiente e Desenvolvimento Territorial, Brito Júnior e Eduardo Teles; de Educação, Germana Brito e Tammy Lacerda; do Trabalho e Desenvolvimento Social; Edivania Gonçalves; de Cultura, Wilton Dedê e Cleia Feitosa; do Chefe de Gabinete e do Adjunto, Fabiano Brasil e Felipe Correia, respectivamente; e técnicos representantes de outras pastas. 

Participou também a presidente do Conselho dos Direitos da Mulher Cratense, Verônica Isidorio; a assessora de políticas para Mulheres, Mara Guedes; e a coordenadora do Observatório da Violência e dos Direitos Humanos da URCA, Drª. Grayce Alencar Albuquerque.

“Quando nós nos disponibilizamos em discutir um plano de proteção da mulher, nós temos o compromisso de cumpri-lo. Todas as secretarias devem atuar integradas e transparente para que este plano seja implementado”, afirmou o prefeito, confirmando ainda o compromisso da gestão em garantir os direitos das mulheres e agir de forma a proteger cada mulher cratense.

Para a Drª. Grayce Albuquerque, o plano é um instrumento importante de implementação da política pública para mulher, mas é preciso que ele seja avaliado e monitorado periodicamente. Ação esta que foi acatada de imediato pela gestão, que propôs um reunião de avaliação a cada dois meses.

Já Mara Guedes lembrou que o plano foi uma construção coletiva dentro do Seminário Municipal de Políticas para Mulheres, realizado em março de 2018. Em seguida, a assessora apresentou todos os eixos e suas ações, indicando ainda secretarias responsáveis pela execução.

Sobre o Plano

É formado por sete eixos. São eles: 1 – Enfrentamento de todas as formas de violência contra as mulheres; 2 – Saúde integral das mulheres, direitos sexuais e reprodutivos; 3 – Educação, Cultura e Comunicação para Igualdade e cidadania; 4 – Enfrentamento do racismo, sexismo e lesbofobia e igualdade para mulheres idosas e com deficiência; 5 – Autonomia e desenvolvimento sustentável com iguais para as mulheres do campo e da cidade; 6- Fortalecimento e participação das mulheres nos espaços de poder e decisão; 7- Segurança pública para o enfrentamento à violência contra as mulheres.

Desde a sua criação, muitas ações já estão sendo implementadas, tais como a implantação do serviço de Notificação Compulsória nos casos de violência contra a mulher em todas as faixas etárias; instituída a Lei Municipal que garante Licença Maternidade de seis meses para as servidoras municipais e a reestruturação da Coordenação da Saúde da Mulher.

Com informações da ASCOM

Nos siga nas redes sociais:

www.facebook.com/PapoRetoCariri

www.instagram.com/paporetocariri

 

Sobre

Jornalista formado pela UFCA, radialista desde 2013 com passagens por emissoras de rádio de Caririaçu e Juazeiro do Norte. Na televisão, realizei produção jornalistica para Tv Verde Vale de Juazeiro do Norte. No site Miséria, atuei como redator e editor de Cultura. Repórter do Portal News Cariri. Também prestando serviço de Assessoria de imprensa para instituições privadas, artistas e parlamentares.